Cássio diz que Dilma orienta base para barrar criação da CPI da Petrobras

“As grandes dúvidas não foram esclarecidas”. Assim o senador Cássio Cunha Lima (PSDB-PB) resumiu a audiência pública com a presidente da Petrobras, Graça Foster, que passou quase seis horas no Senado Federal, nesta terça-feira, 15, tentando explicar o inexplicável.

Para Cássio, o que todo brasileiro quer saber, desde que pipocaram escândalos envolvendo a empresa brasileira, é como explicar a aquisição da refinaria de Pasadena. O senador perguntou por que, de US$ 42,5 milhões, o bem subiu para U$$ 1,25 bilhão em menos de um ano. Por que, também, o Conselho da Petrobras, constituído para esse fim, não observou uma cláusula que é habitual nos contratos.

E o que é ainda pior, na visão do senador paraibano: “A negociação foi feita em 2006. O Governo Federal diz que só tomou conhecimento da cláusula entre a Petrobras e a Astra Oil em 2008. Isto, para mim, já é agravante. Pois bem. De lá para cá, seis anos se passaram e não se puniu o responsável por esse escândalo?”  - questionou, indignado.

Patrimônio - Para Cássio, não se trata de “joguete político”: a Petrobras é um patrimônio da sociedade brasileira e há crime de omissão, corrupção e má gestão. “Fica claro que a presidente Dilma pede investigação total dos fatos, mas orienta a base a melar a criação da CPI para apurar os escândalos na Petrobras" – afirmou.

De fato, o impasse em relação à criação da CPI da Petrobras permanece. Na segunda-feira, o Senado enviou as informações pedidas pela ministra do Supremo Tribunal Federal (STF) Rosa Weber, relatora de dois mandados de segurança em que oposição e governo tentam fazer prevalecer suas posições quanto à CPI.
Retaliação - O problema é que a oposição apresentou requerimento para a criação de uma CPI exclusiva da Petrobras e o governo, em retaliação, manobrou a criação de uma “CPI mais ampla”, com denúncias que envolvem Estados governados por partidos de oposição, abrangendo contratos dos metrôs de São Paulo e do Distrito Federal e obras no Porto de Suape.

Cássio explica que a oposição não é contrária às investigações. Apenas entende que não dá para misturar alhos e bugalhos na mesma comissão de inquérito e querer investigações sérias. “É uma manobra para não investigar” – afirma o senador.

TRE e PM discutem plano de segurança para as eleições

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba, desembargador Saulo Benevides, o desembargador João Alves da Silva e o juiz Tércio Chaves de Moura, vice-presidente e corregedor geral do TRE, respectivamente, receberam nesta terça-feira o comandante da Polícia Militar da Paraíba, coronel Euller de Assis Chaves, para discutir o Plano de Segurança Pública para as Eleições 2014. Nessa primeira reunião o presidente entregou ao comandante o calendário eleitoral e as Resoluções do Tribunal Superior Eleitoral que dizem respeito ao pleito. O desembargador também se comprometeu a enviar os cronogramas e relatórios de diversos setores do TRE-PB para que a polícia possa montar a estratégia de ação.

O comandante Euller Chaves informou que em julho já terá uma simulação pronta para apresentar ao TRE quanto à atuação da Polícia Militar para garantir a segurança pública durante as eleições. Ele lembrou que o último pleito foi tranqüilo em todo o Estado e acredita que este ano não será diferente. O comandante da PM estima que contará com um efetivo de 10 mil policiais para garantir a segurança dos eleitores. Ele disse ainda que está sendo feito um controle de escalas que otimiza o trabalho do efetivo da PM e com isso ficará mais fácil distribuir a tropa no dia 5 de outubro. 

Durante a reunião ficou acertado que a Polícia Militar enviará representantes para participar das audiências públicas que o Tribunal Regional Eleitoral realizará em João Pessoa, Campina Grande e Cajazeiras, como também para uma reunião que será feita com todos os juízes eleitorais e procuradores. O objetivo é repassar à PM os principais problemas enfrentados pelos juízes nas últimas eleições no que diz respeito à segurança pública.

Governo estima salário mínimo de R$ 779 para 2015

Com estimativa de crescimento da economia de 3% e inflação, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), em 5% para 2015, o governo encaminhou nesta terça-feira (15) ao Congresso Nacional, o Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias para 2015 (LDO-2015). Pelo projeto, o salário mínimo será reajustado em 7,71% e vai ficar em R$ 779,79 em 2015.

O governo estima que o superávit primário para o setor público consolidado será de R$ 143,3 bilhões, valor que corresponde a 2,5% do Produto Interno Bruto (PIB) - soma de todos os bens e serviços produzidos no país. Com o abatimento dos R$ 28,7 bilhões destinados ao Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), a meta do superávit primário fica em R$ 114,7 bilhões (ou 2% do PIB).

Superávit primário é a poupança para pagar os juros da dívida que o governo tem com outros países e outros credores. Na medida em que o país consegue alcançar as metas de superávits primários, indica que tem condições de pagar suas dividas.

Prefeitura de Amparo fez entrega de Peixe a População


A Prefeitura Municipal de Amparo, através da Secretaria de Assistência Social e o Cras, fizeram na manhã desta Terça Feira, 15, a entrega de Peixe a população.

Foram contempladas as pessoas já cadastradas no recebimento das Cestas Básicas Programa Assistencial mantido pela prefeitura.

A entrega foi um momento emocionante onde as pessoas receberam com alegria e satisfação e fizeram questão de agradecer ao prefeito Zé Arnaldo, que desde o inicio de sua Administração tem feito a doação de peixe aos munícipes, Zé Arnaldo acompanhou pessoalmente a entrega, que aconteceu no Clube Municipal, onde disse que estava muito feliz em poder ajudar as pessoas,principalmente nessa época da Semana Santa.
Centenas de famílias foram beneficiadas

Mais uma família adere ao projeto político do médico Dr. Júnior

Mais uma família aderiu ao projeto político do médico Dr. Júnior e da prefeita Natália Lira.

Desta vez Mica e sua família aderiram ao projeto do médico Dr. Júnior. O Grupo Ouro Velho Avante esteve na casa de Mica agradecendo pela adesão.

O vice-prefeito Flávio Henrique e o vereador Val esteve acompanhando a adesão juntamente com o médico Dr. Júnior.

Campina Grande vacina 30% das meninas contra HPV

A campanha de vacinação contra HPV (Papiloma Vírus Humano), iniciada no último dia 10 de março, conseguiu vacinar 30,13% das meninas em Campina Grande. No primeiro mês da campanha foram vacinadas 2.838 adolescentes. Para atingir a meta de imunizar 80% das meninas no município, com idade entre 11 e 13 anos, a Secretaria Municipal de Saúde ampliou o cronograma de imunização das escolas públicas e privadas.

Durante esta semana, a vacinação vai acontecer a partir desta terça-feira, 15, em sete escolas municipais. Na zona rural de Campina Grande, as meninas do distrito de Galante já receberam a primeira dose da vacina, que está aplicada em três etapas. A segunda dose da vacina deverá acontecer seis meses após a primeira e a terceira dose cinco anos depois.

Segundo dados da Coordenação Municipal de Imunização, até o momento, a faixa etária com maior número de vacinas aplicadas está entre as meninas de 12 anos de idade (com 1.022 doses aplicadas). Entre as meninas com 11 anos de idade, 971 receberam a vacina, enquanto 845 adolescentes com 13 anos foram imunizadas.

A vacina tem eficácia comprovada para proteger mulheres que ainda não iniciaram a vida sexual e, por isso, não tiveram nenhum contato com o vírus HPV, combatendo os subtipos (6, 11, 16 e 18) da doença. Os dois últimos são responsáveis por cerca de 70% dos casos de câncer de colo do útero em todo mundo.

De acordo com o calendário desenvolvido pelo Ministério da Saúde, no próximo ano, a vacina passa a ser oferecida para meninas entre 9 e 11 anos. A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que 290 milhões de mulheres no mundo são portadoras da doença.

Especialista diz que o Café estimula a concentração e previne doenças

Quem resiste àquele cheirinho de café de manhãzinha ou no meio da tarde? Quentinho, frio, com leite, puro, amargo ou bem docinho, o café está no topo das bebidas mais consumidas não só pelos brasileiros, mas no mundo todo. E no dia Internacional do Café, 14 de abril, ontem, celebra uma das bebidas mais consumidas no planeta.

Conforme a nutricionista Paula Trigueiro, o consumo varia de pessoa para pessoa, mas é indicado um consumo de três a quatro xícaras por dia de café, o que representa cerca de 500 mg de cafeína. "Essa quantidade estimula a concentração, a memória e o aprendizado", explica a especialista que recomenda também que as pessoas evitem o exagero na hora de adoçar o café.

Além de saborosa e popular, a bebida também faz bem à saúde. No grão, há centenas de substâncias benéficas e, se consumido moderadamente, o café é um grande aliado, previne algumas doenças e pode até retardar o envelhecimento de células, já que tem propriedades antioxidantes.

A cafeína, principal ativo do grão, estimula o sistema nervoso central, mantém a atenção e o humor, ajuda na respiração e na digestão e atenua a sensação de fome. Estudos recentes demonstram que, se consumido em doses razoáveis, o café não afeta o sono nem prejudica o coração. 

Ao contrário, pode ajudar na ação preventiva de algumas patologias graves, como Alzheimer e Parkinson. Também contém substâncias antioxidantes, que contribuem para eliminar os radicais livres, diminuindo em até 28% o risco de diabetes tipo 2 e reduzindo o colesterol. Auxilia em processos de emagrecimento e na prevenção de alguns casos de câncer, como o de cólon e de reto.

Motorista que passar de 50 km/h nas principais vias de JP será multado a partir de hoje

Os motoristas que excederem a velocidade de 50 km/h nas principais vias da Capital serão multados a partir desta terça-feira (15). A decisão é da Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana (Semob), que já instalou radares que monitoram seis grandes vias do começo ao fim e não mais através de lombadas, que funcionavam em pontos isolados. 

As avenidas onde o velocímetro não poderá mais ultrapassar a marca dos 50 km/h são Cabo Branco (no bairro de mesmo nome), Ruy Carneiro, Edson Ramalho e João Câncio da Silva (Manaíra), Argemiro de Figueiredo e Fernando Luiz Henrique dos Santos (Bessa); todas já receberam o novo sistema de controle, que funciona em caráter educativo até a segunda-feira (14); logo após, o excesso de velocidade implicará em multa. 

A medida tomada pela superintendência já divide opiniões. Na internet, através de um site voltado para petições online, mais de 4 mil pessoas são contra a decisão, alegando que o novo sistema se radares não possui eficácia para evitar acidentes, além de acarretar multas. A petição visa reunir 20 mil assinaturas contra a nova forma de fiscalização para que o documento seja entregue ao prefeito da Capital, Luciano Cartaxo, de forma que a ideia da Semob seja invalida.

Prefeitura de Amparo faz entrega de Peixe nesta terça-feira

A Prefeitura de Amparo, através da Secretaria de Assistência Social e Cras, fazem a entrega de Peixe gratuito a População nesta Terça Feira ás 09:00hs no Clube Municipal.

Serão contemplados com o Peixe as pessoas cadastradas no Programa de Cestas Básicas.

Desde que assumiu a gestão o Prefeito Zé Arnaldo, faz a Distribuição de Peixe nos dias que antecedem a Semana Santa.

Aproveitando o momento o Prefeito Zé Arnaldo, deseja a toda população uma Semana Santa abençoada de paz e reflexão!

Wilson avalia que Cícero pode ocupar cargo na gestão

O ex-senador e presidente do PTB na Paraíba, Wilson Santiago, comentou hoje (14) as divergências ocorridas dentro do PSDB após o início das negociações com o PTB para a formação de uma chapa no estado. Pré-candidato ao Senado, Wilson afirmou que há espaço para muitos na aliança, mas frisou que o senador Cícero Lucena pode ocupar um cargo numa possível gestão tucana.

- Todos nós sabemos a liderança do senador Cícero e a importancia dele nesse processo. Tenho certeza que pela importância que ele tem para o partido e para a Paraíba ele facilitará para que tenhamos uma aliança de sucesso.

Santiago ainda comentou o possível espaço do tucano numa chapa formada entre o PSDB e o PTB.

- Cícero é senador e tem condições para ocupar qualquer cargo na chapa majoritária como também na gestão estadual.

As declarações ocorreram em entrevista a rádio 95 FM.

Rômulo participa da inauguração de agência do BB e visita Hospital da FAP

O vice-governador Rômulo Gouveia participou, na manhã desta segunda-feira (14), da inauguração de mais uma agência do Banco do Brasil em Campina Grande. A agência, instalada no bairro São José, foi inaugurada pelo superintendente estadual da instituição, Evaldo Sousa. 

O superintendente estadual do Banco do Brasil comentou a amizade que tem com o vice-governador e a parceria institucional do banco com o Governo do Estado, pela qual só em Campina Grande está em construção quase 2.000 casas nos loteamentos Acácio Figueiredo e Raymundo Suassuna. 

Rômulo Gouveia destacou que é cliente do Banco do Brasil há muito tempo na Agência Borborema, localizada no centro da cidade. “Quando fui eleito deputado federal queriam transferir minha conta para Brasília. Eu não permiti e permaneci na Paraíba e em Campina Grande”, lembrou. 

Hoje o Banco do Brasil conta com 111 agências no estado da Paraíba e só nos últimos meses foram inauguradas duas em Campina Grande e nos próximos dias será inaugurada mais uma.

PT não abre mão de vaga de senador na chapa majoritária

O Partido dos Trabalhadores não abre mão da participação na chapa majoritária com a indicação do candidato a senador petista. É o que consta na resolução aprovada no último sábado (12) durante reunião da executiva estadual do partido, onde a legenda descartou o lançamento de candidatura própria ao Governo do Estado. Em entrevista ao Tambaú Debate, o ex-presidente do PT e integrante da Executiva Nacional, Rodrigo Soares, comentou a decisão.

- O PT vai priorizar o Senado. Quero salientar o papel importante da companheira Nadja Palitot como pré-candidata. Mas, quando passa a priorizar o Senado, não está mais na disputa para o Governo do Estado.

Cabe neste momento, diz a resolução aprovada pelo PT, um esforço das forças do campo da oposição no cenário local (que compõem a base de sustentação do Governo Dilma) no sentido de construírem uma estratégia comum, reunindo todos os partidos que queiram cerrar fileiras em torno do projeto de desenvolvimento econômico com distribuição de renda e inclusão social na Paraíba.

“Conclamamos o conjunto do Partido dos Trabalhadores a construir a unidade necessária entre os nossos aliados para as eleições de 2014. O PT continuará apostando na unidade da base de sustentação do governo Dilma”, diz a resolução

Dessa forma, o PT entende que além das prioridades nacionais, deve também debater profundamente com seus aliados a construção de espaços proporcionais em 2014 que garante a eleição de mandatos petistas no âmbito estadual e federal. “Nessa composição o nosso partido não abre mão da participação na chapa majoritária com a indicação do candidato a senador petista”, afirma a legenda na resolução aprovada no último sábado e divulgada hoje.

“PMDB não tem dificuldade de conversar com Cícero Lucena”, diz José Maranhão

A boa relação entre o ex-governador José Maranhão (PMDB) e o senador Cícero Lucena (PSDB) poderá render uma nova aproximação entre os dois, já nas eleições deste ano. Isso caso se confirme o rompimento do senador tucano com o amigo de bancada e pretenso candidato do PSDB ao Governo do Estado, Cássio Cunha Lima.

Em entrevista à Rádio Arapuan FM, no início da tarde desta segunda-feira (14), José Maranhão revelou que mantém uma boa amizade de anos com Cícero Lucena e prometeu uma conversa com o senador, nos próximos dias, para falar sobre política.

“Eu não quero me apresentar como oportunista. Mas, estou esperando que as coisas se esclareçam melhor [entre Cícero e o PSDB] e, claro que vou conversar sobre política com Cícero Lucena como sempre o fiz. Sou seu amigo pessoal, já marcharmos juntos quando ele era do PMDB e até depois que ele estava no PSDB”, disse o senador.

José Maranhão ainda afirmou que, mesmo em lados opostos, o PMDB sempre manteve postura respeitosa com o senador Cícero Lucena. “Todos sabem que estivemos juntos [em 2010]. Fizemos uma campanha para prefeito de João Pessoa com o respeito recíproco. Eu não tenho nenhuma dificuldade de conversar com Cícero Lucena, e não somente eu, o PMDB também não tem”, concluiu.

PSOL pede suspensão da divulgação de pesquisas eleitorais

O PSOL protocolou ofício junto ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PB) solicitando a suspensão de qualquer divulgação de pesquisa eleitoral que não inclua o nome do representante da legenda, Tárcio Teixeira, como pré-candidato ao governo da Paraíba.

O partido considera que uma pesquisa de opinião com tal viés não poderia omitir citação de seu representante por caracterizar falta de zelo à informação e uma forma de ocultar a verdade aos eleitores.

O documento é assinado pelo presidente regional do partido, Fabiano Galdino de Souza, e foi protocolado no último dia 02 de abril na Justiça Eleitoral.

Fornecedores da Fiat em Pernambuco estão contratando

Com os investimentos do polo automotivo da Fiat, em Pernambuco, e o crescimento do segmento na Bahia, as carreiras ligadas à área estão em destaque na busca das empresas por profissionais. Das dez funções mais demandadas no Nordeste, seis são na indústria automobilística, revela levantamento da consultoria paulista Asap, que atua em nove capitais, incluindo o Recife.

Segundo a Asap, no ranking dos profissionais mais procurados no Nordeste, os quatro primeiros lugares estão ligados ao mercado automotivo. A primeira posição é de coordenador de recursos humanos, seguido de especialista de atração e seleção, gerente de supply chain (gestão de logística) e coordenador de consumo. O setor aparece novamente nas nona e décima posições, com engenheiro de produto e coordenador de controladoria.

VAGAS ABERTAS - Parte do movimento captado pelo levantamento da Asap vem dos fornecedores que se instalam ao redor das montadoras. No caso do polo pernambucano, são 16 empresas conectadas à Fiat Chrysler, que vão contratar 1.350 pessoas até o fim do ano. Na semana passada, o JC divulgou os canais que algumas delas estão usando para recolher currículos, além do www.vagas.com.br/fiatpernambuco, por onde a própria Fiat seleciona pessoal para ela e as sistemistas. Para esta edição de Empregos & Concursos, mais empresas revelam detalhes sobre seus processos seletivos.

Cícero expõe desavença interna do PSDB em rede social

O senador Cícero Lucena (PSDB) parece não andar muito satisfeito com certas decisões do PSDB na Paraíba. Hoje, por meio de uma rede social o tucano cobrou um postura pública do presidente estadual do PSDB, deputado Ruy Carneiro, sobre certos "recados" que teria recebido no final de semana. O senador não deixou claro o motivo da queixa, mas destacou que está relacionado ao quadro eleitoral de 2014.

- Gostaria de informar que só me pronunciarei sobre o quadro eleitoral, após o presidente do meu partido na Paraíba, tornar público o "recado" que ele enviou através de um amigo em comum no último sábado!

Nos bastidores, comenta-se que a candidatura de Cícero Lucena à reeleição no Senado Federal não estaria sendo bem aceita pelas lideranças tucanas.

Indagado, o deputado Ruy Carneiro afirma não sabe do que trata o tal recado e que em breve o partido deve definir os nomes que vão compor a chapa majoritária. Ele destacou que a formação da chapa não é uma decisão sua e sim da executiva e do candidato ao governo.

“Pra não me precipitar eu preciso ouvir o que ele está dizendo pra fazer qualquer tipo de comentário. As conversas estão começando agora com relação a essa questão partidária. Acredito que teremos entre essa semana e depois da Semana Santa, com certeza, uma definição de formato. Não existe nada decidido, tudo é boato. Se fala em nome de Aguinaldo Ribeiro, Wilson Santiago, de Ruy, de Cícero, de Agra, mas não existe nada de concreto,” frisou.

Vitalzinho diz que PMDB vai esperar decisão do PT até final de abril

O senador Vital do Rêgo Filho (PMDB) participou do programa “Debate sem Censura”, na rádio Sanhauá, na tarde desta segunda-feira (14), e disse que aliança entre o PMDB e o PT é “homeopática”.

Vitalzinho disse que o PMDB irá aguardar as definições dos petistas, mas só irão aguardar até o final de abril: “É legítimo o direito do PT em conversar com todos os outros partidos, mas nós temos um calendário e não vamos ficar esperando”, disse.

O senador minimizou a “crise” entre deputados estaduais do PT e PMDB: “Eu não gosto de incentivar crises artificiais como alguns fazem. Eu ando com um galão de água e não de gasolina”, comentou Vitalzinho, dizendo que a questão na Assembleia será resolvida com diálogo.

O PMDB é o único partido que pode oferecer um bom palanque a presidente Dilma Rousseff, na visão do senador, e Veneziano o único candidato que apresenta crescimento.

Porém, o senador destacou que o PMDB tem prazos para definir os nomes que irão compor a chapa majoritária e o PT “é um dos partidos que poderá indicar nomes”.

O senador disse que a escolha será feita a partir da indicação dos nomes e será “pesado o nome que contribuir com a valorização e agregação na chapa”, pontuou.

Prefeita Iris Henrique divulga programação da Corrida de Jegue e Festa de Emancipação politica

A tradicional Corrida de Jegue de Zabelê terá mais uma edição nos próximos dias 25, 26 e 27. O evento deste ano terá apresentações de bandas como Magníficos, Brasas do Forró e outras atrações regionais. O principal dia do evento é o domingo, quando jumentos de todas as partes do país disputam a corrida no Centro da cidade.

O evento terá várias modalidades de torneios esportivos. As inscrições para os participantes estarão sendo abertas nos próximos dias na sede da prefeitura. Considerada como a maior festa de rua do Cariri paraibano, a corrida de jegue hoje é um sucesso de público e destaque no calendário de eventos da Paraíba.

Para a prefeita Íris Henrique, o evento é uma tradição que terá sempre de ser mantida, tendo surgido na administração do seu esposo, o ex-prefeito Lucivaldo Vaz. Para este ano a organização da festa espera um público de aproximadamente 20 mil pessoas.

Confira a programação da Festa de Emancipação:

Dia 26/04 - Júnior e Mário; Descendentes do Forró, Forró do Valle e Brasas do Forró.

Domingo 27/04 - Daniel Medeiros, Laylson e Laerte e Magníficos

Premiação 14ª Corrida do Jegue:

A Prefeitura Municipal de Zabelê premiará os participantes até a 10ª colocação, e quem levar o primeiro lugar vai levar pra casa uma moto.

Rômulo afirma que seria oportunista se deixasse o governo

Pré-candidato ao senado pelo PSD, o vice-governador Rômulo Gouveia afirmou neste final de semana, que seria oportunista se deixasse o governo depois de três anos fazendo parte no governo.

Rômulo que optou em apoiar à reeleição do governador Ricardo Coutinho (PSB), contrariando assim, o senador Cássio Cunha Lima (PSDB), disse que seria uma incoerência de sua parte, deixar o governo que ele ajudou a construir. Durante entrevista em Princesa Isabel, Rômulo frisou que ficaria envergonhado em passar três anos no governo e de repente, sem motivos concretos, deixar de apoiar esse projeto. 

Questionado se seria cria do grupo Cunha Lima, Rômulo preferiu não responder de forma objetiva, mas ressaltou que se formou politicamente nos movimentos estudantis e populares. Ele admitiu no entanto, que durante muito tempo acompanhou o grupo Cunha Lima, e que permanece leal ao senador Cássio. Só que precisa ter independência e postura. 

“Acompanhei politicamente o grupo Cunha Lima por muito tempo com lealdade, independência e postura altiva. Ricardo conhece bem a minha postura desde que fui por duas vezes presidente da Assembleia Legislativa aonde conduzi a casa como um magistrado e na defesa dos interesses da Paraíba", lembrou Rômulo.

Rômulo Gouveia reafirmou que permanecerá junto com Ricardo Coutinho e está muito feliz em ter ajudado na construção de uma Paraíba mais desenvolvida com democracia participativa. 

"Como poderia ter passado todo o governo falando em todos os municípios que a Paraíba estava no rumo certo e de repente olhar para o meu semelhante e negar tudo isso. Quero deixar claro que agi com coerência. Não estou contra ninguém, estou a favor da Paraíba", completou.

Deputado oposicionista surpreende e defende apoio de prefeito de sua base ao projeto político de Ricardo Coutinho

Cotado para liderar a bancada que faz oposição ao Governo Ricardo Coutinho na Assembleia Legislativa da Paraíba, o deputado federal Aníbal Marcolino, do PEN, surpreendeu, nesta segunda-feira (14), ao se solidarizar com o prefeito Berguinho, do município de Itaporanga, alvo de sucessivos ataques na cidade, apenas porque declarou seu apoio ao projeto de reeleição do PSB na Paraíba.

Adotando uma postura democrática de não fazer oposição raivosa e tampouco pessoal, Aníbal defendeu o prefeito aliado e reconheceu os investimentos do Governo do Estado na região do Vale do Piancó, como a motivação do apoiamento. 

“Defendo e assino embaixo de todos os atos do prefeito Berguino, ele está adotando uma postura de coerência ao apoiar Ricardo Coutinho, pois seu principal adversário na cidade, Djacy brasileiro é o responsável por coordenador do grupo do senador Cássio Cunha Lima e por isso seria impossível Beguinho e Djacy estarem em um mesmo palanque”, asseverou.

Além das rusgas político partidária entre a dupla, Aníbal, como parlamentar, considerou normal o apoio do gestor ao projeto de reeleição de Ricardo Coutinho, visto que a cidade foi bastante prestigiada pelas verbas do executivo estadual nesses três anos de administração socialista.

“O governador Ricardo Coutinho está trazendo diversas melhorias, benefícios e ações em prol dos moradores do município de Itaporanga e todos os moradores e o prefeito reconhecem a atuação desenvolvida pela gestão estadual na cidade”, declarou Aníbal, que é um dos principais algozes do governador, mas que dessa vez mostrou desprendimento político quando o assunto é administração proativa.

Marina se canditará a vice para 'empurrar' Campos

O ato em Brasília abrirá uma nova etapa na trajetória da dupla, que agora lutará para se aproximar de Aécio Neves (PSDB) na disputa pelo segundo lugar na corrida ao Palácio do Planalto. A prioridade é deixar claro que Campos será o cabeça de chapa e sinalizar aos financiadores de campanha que ele tem chance de ultrapassar o tucano e chegar ao segundo turno contra a presidente Dilma Rousseff (PT).

Se fosse candidata a presidente, Marina teria hoje quase o dobro dos votos do aliado. Ela chega a 27% no cenário com Dilma e Aécio. Quando Campos aparece como candidato, alcança apenas 10% no cenário com os nanicos, aponta o Datafolha.

A diferença mostra que a ex-senadora ainda é muito mais conhecida e popular que o aliado. A união dos dois foi selada há seis meses, mas a migração de votos não ocorreu no ritmo esperado.

Políticos próximos a Campos reclamam, nos bastidores, que o programa de TV do partido teria contribuído para o problema, ao não deixar claro que ele é o candidato à Presidência. A propaganda foi ao ar no último dia 27.

Com o anúncio de amanhã, Campos pretende sepultar de vez as especulações sobre a possibilidade de uma inversão de chapa, com Marina à frente e o ex-governador assumindo a vice-presidência.

A ideia sempre foi rechaçada pelos dois, mas ainda acalentava esperanças de "marineiros" e empresários que se aproximaram da ex-senadora na eleição de 2010, quando ela ficou em terceiro lugar na corrida presidencial.

"Em nenhum momento essa hipótese foi cogitada. Nem pela Rede, nem por nós", afirma o secretário-geral do PSB, Carlos Siqueira.

Campos e Marina iniciam agora uma maratona de viagens pelo Brasil, com a meta de dar a maior visibilidade possível à chapa. Devem visitar 150 cidades até junho, mês das convenções partidárias.

Como a campanha oficial ainda não começou, eles terão que marcar palestras e visitas a entidades como universidades, sindicatos e associações comerciais.

"Vamos marcar o máximo de agendas com os dois juntos. A prioridade é mostrar ao país todo que eles estão unidos pelo mesmo programa de desenvolvimento sustentável", diz Pedro Ivo Batista, da coordenação da Rede, o futuro partido de Marina.

Depois da Copa do Mundo, os dois devem cortar o "cordão umbilical" e passar a fazer viagens separados, numa estratégia para visitar mais regiões e compensar o pouco tempo que terão na TV.

Eles ainda apostam no apoio de intelectuais e artistas e convidaram o escritor Ariano Suassuna, 86, para estrelar o ato de amanhã.

O grupo de Marina retardava o anúncio da chapa numa tentativa de obter mais concessões do PSB na montagem dos palanques estaduais. Ainda há impasses em ao menos nove Estados, incluindo os mais populosos do país: São Paulo e Minas Gerais.

A Rede quer lançar mais candidaturas próprias, mesmo que nanicas, para se registrar como partido independente em 2015.

Cícero se ausenta de encontros do PSDB e Cássio conversa com Ribeiro e Santiago

Fontes do PSDB na Assembléia Legislativa confirmaram na manhã desta segunda-feira a um Portal Eletrônico, que o senador Cicero Lucena não compareceu às consultas do partido em Pombal e Conceição, no fim-de-semana, da mesma forma que asseguraram estar em curso proposta para o ex-prefeito ser candidato a Deputado Federal, bem como há conversações do pré-candidato Cássio não só com Wilson Santiago, mas com o ex-ministro Aguinaldo Ribeiro.

Conforme ainda os tucanos na Assembléia, Cássio ainda não fechou a questão do Senado por que ainda precisa ajustar o processo junto ao senador Cicero, que resiste à proposta de ser candidato a Federal.

- Cicero é muito respeitado e querido no partido, entretanto, não é demérito ele conviver com a mesma realidade do ex-presidente nacional do PSDB, que embora fosse senador viu fragilidade eleitoral e se elegeu deputado federal – argumentaram adiantando que “embora a cúpula partidária esteja firme com Cicero, nas Bases há muita reclamação por sua ausência nas ultimas disputas e esta realidade precisa ser examinada sem ranços”.

SENADO – Para elas, o líder tucano nas pesquisas ainda não decidiu nem a Vice nem o Senado porque conversa com base em varias alternativas, desde a de Luciano Agra, do PEN, como o deputado federal Ruy Carneiro abrindo espaços para composição com partidos, a exemplo do Solidariedade e PSC.

Na questão do Senado asseguraram que, os entendimentos envolvem a possibilidade de Wilson Santiago ser o nome ou do bloco liderado pelos Ribeiro, Aguinaldo ou Daniela Ribeiro.

- Não há nada fechado definitivamente – concluíram.

Hugo Motta acredita que o PMDB deve intensificar conversações com mais partidos

O deputado federal Hugo Motta (PMDB) avaliou na tarde deste sábado (12), o cenário político que se forma a partir da decisão do Partido dos Trabalhadores (PT) sobre adiar se apoia ou não o pré-candidato ao Governo do Estado pelo PMDB, Veneziano Vital do Rêgo.

De acordo com Hugo Motta, o PMDB deve seguir com a formação da chapa majoritária. "A decisão do PT da Paraíba é legítima e democrática, e trabalhará em prol da reeleição da presidenta Dilma Rousseff, objetivo esse que converge para o trabalho do PMDB, tanto a nível local quanto nacional. No entanto, acredito que o PMDB deva intensificar as conversações com os demais partidos com a finalidade de formatar, o mais breve possível, a chapa majoritária", explicou.

Hugo lembrou ainda que as conversações giram em torno dos partidos que sempre se mantiveram na condição de opositores ao atual modelo de gestão. "Precisamos dar andamento aos contatos com os partidos, que também apoiam a reeleição de Dilma e fazem frente ao governo paraibano. O objetivo do PMDB é fortalecer o campo das oposições e implantar um novo modelo de gerir os destinos do nosso estado, que se encontra extremamente frágil em diversas áreas", reiterou.

Sobre a possível parceria com o PT paraibano, o parlamentar demonstra otimismo. "Como temos objetivos em comum, tenho certeza que em algum momento as agendas dos partidos irão se cruzar. Os três palanques postos tem pré-candidatos a governador e respectivos à presidência. Sendo que, desses palanques, apenas o PMDB marcha junto com a presidenta Dilma. A discussão interna do PT ainda está em andamento e repito, é legítima, mas acredito que é a hora do PMDB avançar na majoritária", finalizou.

“Os municípios estão à beira da falência”, afirma o presidente da Famup

“Os municípios estão à beira da falência”. É o que pensa o presidente da Federação das Associações dos Municípios da Paraíba (Famup), Tota Guedes. Segundo ele, a situação financeira das prefeituras paraibanas é muito grave. “Porque a única fonte de renda dos municípios é o FPM e com a ajuda que a presidente deu às montadoras de veículos (isenção do Imposto Sobre Produtos Industrializados - IPI) a arrecadação de impostos diminuiu e isso afetou diretamente as prefeituras”, explicou. 

Ele também criticou o Governo Federal por criar programas sociais nacionais, a exemplo dos PSFs (Programa Saúde da Família). “Ele só destina, apenas, R$ 9,5 mil para a manutenção dos serviços, mas o município gasta em torno de R$ 27 mil. Fora esse tem outros programas que trazem despesas para as prefeituras”, disse Tota Guedes. 

Tota Guedes declarou que o repasse do FPM do mês de março teve queda de até 40% no repasse em alguns municípios. “Sem saber quanto vai receber os prefeitos não têm como se planejar”, afirmou. Segundo ele, só há uma forma de amenizar os problemas financeiros que os gestores municipais estão enfrentando. “Só se resolve com recursos”, frisou. 

Ele destacou que a Confederação Nacional de Municípios (CNM), em parceria com as associações municipais, promove na próxima sexta-feira uma paralisação em todas as capitais brasileiras. Neste dia, todas as prefeituras devem fechar as portas. O objetivo do movimento é chamar a atenção da população e do Governo Federal para a crise financeira que os municípios estão enfrentando. 

Nos dias 12, 13 e 14 de maio será realizada a XVII Marcha à Brasília em Defesa dos Municípios que terá como tema : “A crise nos Municípios e a conjuntura eleitoral”. “Nesses eventos vamos levar várias reivindicações ao Governo Federal. Uma delas é a solicitação de ajuda de 2% do bolo tributário que é matéria de uma PEC (Proposta de emenda Constitucional) que está tramitando no Congresso”, declarou Tota Guedes.

Cássio recebe apoio de prefeito e admite Santiago como senador

O PSDB realizou hoje de manhã em Conceição, mais um encontro regional do partido, abrangendo as representações do Vale do Piancó. Novamente, os filiados opinaram pela apresentação de pré-candidatura do partido ao Governo do Estado e o primeiro a declarar total apoio à postulação tucana foi o prefeito Nilson Lacerda, que disse não trair seu partido ao longo de 26 anos de militância.

Por unanimidade, os filiados do PSDB manifestaram o desejo de que Cássio Cunha Lima concorra ao Governo do Estado. O senador, por sua vez, concedeu entrevista à imprensa e admitiu que seu ex-adversário, Wilson Santiago (PTB), pode figurar como candidato ao Senado em sua chapa. Ele acrescentou que deve manter uma reunião com a cúpula partidária na semana que vem com o objetivo de aprofundar o diálogo com o presidente estadual do PTB da Paraíba.

A comitiva tucana estava composta pelo presidente do PSDB-PB, deputado federal Ruy Carneiro, o senador Cássio Cunha Lima, além de prefeitos, deputados estaduais e vereadores. O senador Cícero Lucena não pôde estar no evento.

Vital analisará propostas na sessão da CCJ na próxima quarta-feira

Entre os 40 itens colocados em pauta pelo presidente da Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) senador Vital do Rêgo (PMDB-PB), na próxima sessão da comissão na quarta-feira (16), a partir das 10h, está a avaliação da proposta que tipifica como crime de vandalismo a promoção de atos coletivos de destruição, dano ou incêndio em imóveis, equipamentos urbanos, instalações e veículos de transporte de passageiros e monumentos (PLS 508/2013).

Segundo Vital a proposta considera circunstância agravante para a pena o uso de máscara, capacete ou qualquer outro utensílio ou expediente destinado a dificultar a identificação de quem comete o crime.

Após considerar "demasiadamente amplo" o projeto original, do senador Armando Monteiro (PTB-PE), o relator, senador Pedro Taques (PDT-MT), apresentou um substitutivo, mas ele anunciou que ainda pretende discuti-lo com representantes do Ministério da Justiça. O substitutivo considera homicídio qualificado, com reclusão de 12 a 30 anos, cometer o crime em manifestações.

Também a pena de lesão corporal poderá ter um acréscimo de 50% se for cometida durante manifestações populares ou concentração de pessoas. Por fim, o substitutivo tipifica o dano ao patrimônio público ou privado praticado durante manifestações públicas. A pena é de reclusão de dois a cinco anos, além de multa.

PROS ratifica pré-candidatura de Major Fábio ao Governo da PB

A direção regional do Partido Republicano da Ordem Social (PROS) na Paraíba ratificou a pré-candidatura do deputado federal Major Fábio ao Governo do Estado nas eleições deste ano. A confirmação da pré-candidatura do deputado a principal cadeira do Palácio da Redenção foi feita através de nota divulgada e assinada pelo presidente regional do Pros/PB, Moisés Gouveia de Araújo.

Em entrevistas Major Fábio tem afirmado que sua disposição de disputar o Governo da Paraíba é irreversível e que está se mobilizando no Estado para fazer uma campanha limitada mas cheia de propostas realizáveis visando fazer a maquina administrativa do governo funcionar em favor das pessoas e dos setores produtivos.

Dilma defende investimentos e diz que inflação está sob controle

A presidenta Dilma Rousseff defendeu hoje os investimentos que o governo tem feito para a Copa do Mundo e disse que os benefícios ficarão para os brasileiros após o fim do megaevento. Dilma comparou a melhoria da infraestrutura do país para a Copa aos preparativos para receber convidados em casa.

“As obras, rigorosamente falando, atendem à Copa, mas elas não são para a Copa, elas são para o povo desse país, para o povo desse estado. Quando a gente vai dar uma festa na casa da gente, você dá uma melhorada na casa, quando vai ter o casamento, você pode até dar uma ampliada na casa, mas todos os benefícios ficam para quem mora na casa, e é isso que acontece conosco”, comparou, em discurso durante cerimônia de inauguração de um sistema de tratamento sanitário em Porto Alegre (RS).

Dilma citou as obras dos aeroportos internacionais da capital gaúcha e de Brasília como exemplos de intervenções motivadas pela realização da Copa, mas que terão impactos posteriores. “Não tem a ver com Copa, mas com nossa situação concreta. A taxa de crescimento de pessoas que procuram avião é bastante significativa. Para vocês terem uma ideia, hoje, no Brasil, 100 milhões de passageiros utilizam por ano esse sistema de transporte”, avaliou.

Ao defender o governo das críticas pelos investimentos no Mundial, Dilma disse que no Brasil, “muitas vezes você é criticado por ter um cachorro e outras vezes por não ter o mesmo cachorro”. Ela utilizou a mesma metáfora para defender outras medidas econômicas do governo, entre elas, a desoneração da folha de pagamento e a expansão das políticas de financiamento para projetos de infraestrutura.

“Montar uma estrutura de financiamento adequada para investimento em infraestrutura é condição indispensável para esse projeto sair. Não é possível criticar simultaneamente por não fazer projetos para melhorar a saúde pública e criticar investimentos em saneamento, não é possível, não fecha. A equação no Brasil tem que fechar e aí a responsabilidade de cada um de nós tem que aparecer.”

Durante o discurso, a presidenta voltou a afirmar que a inflação está sob controle, apesar da elevação do preço de alguns alimentos, motivada, segundo ela, pelas condições climáticas do começo do ano.

“Mantemos sistematicamente um olho e um controle na inflação mesmo quando, devido à seca que ocorre no Sudeste e à chuva torrencial que ocorre no Norte do Brasil e à seca que, graças a Deus, parece que estamos saindo dela no Nordeste, tivemos impactos em alguns produtos alimentares. Mas é importante olhar, primeiro, que isso é momentâneo, e segundo, que enquanto tem alguns produtos que sobem, outros caem”, avaliou. “A inflação, nós iremos controlar sistematicamente”, repetiu.

Advogado nega afastamento do prefeito de São João do Cariri

Em uma entrevista concedida na quinta-feira (10) ao Jornal da IND 2ª Edição, o presidente da Câmara de São João do Cariri, Francisco Júnior, disse que o prefeito do município, Marcone Medeiros, passava por problemas de saúde e sugeriu que o gestor pedisse uma licença para que o vice-prefeito Cosme assumisse o mandato.

Nesta sexta-feira (11) um dos assessores jurídicos da Prefeitura Municipal de São João do Cariri, Netinho Maracajá Medeiros, esteve participando do Jornal da IND e na oportunidade colocou fim a qualquer possibilidade de afastamento do Prefeito Marcone Medeiros.

Segundo Netinho Maracajá, o prefeito Marcone não tem problemas sérios de saúde como foi colocado e continua fazendo as suas atividades como gestor do município normalmente, inclusive participando de reuniões e encontros em Campina Grande e João Pessoa em busca de recursos para São João do Cariri.

O advogado ainda falou sobre o veto do prefeito ao projeto de insalubridade. Segundo ele o governo municipal pagou a insalubridade mesmo tendo vetado o projeto e afirmou que o legislativo não pode criar leis que gerem gastos ao executivo.

Em relação ao projeto do nepotismo o advogado disse que o veto deu-se por conta de que a Lei do Nepotismo já existe desde o ano de 2008, baseada na súmula vinculante 13 do Supremo Tribunal Federal.

Netinho Maracajá rebateu dizendo que o Presidente da Câmara Municipal de São João do Cariri rompeu com o prefeito Marcone Medeiros porque um dos indicados do vereador ao governo, o Secretário de Educação, Isac Costa, foi exonerado pelo gestor. Netinho disse ainda que Francisco Júnior tenta desestabilizar o governo por um briga pessoal com a 1ª Dama do município, Sonia Barros.

“O presidente da Câmara tenta desestabilizar o governo por uma briga pessoal com a 1ª Dama, mas a população de São João do Cariri não cai nesse tipo de política. Quem quiser ser prefeito, arrume os votos e seja candidato”, disparou o advogado.

Mais Médicos chega à etapa final com 245 médicos em 169 municípios

Nesta sexta-feira (11), o Ministério da Saúde divulgou a lista dos últimos municípios paraibanos que serão contemplados com o Programa Mais Médicos. No total, são cinco municípios, com 11 médicos brasileiros: Soledade (3), Cajazeiras (4), Cabaceiras (2), Jacaraú (1) e Santa Cruz (1).

“Estes municípios se inscreveram no 5º Ciclo do Mais Médicos, aberto, excepcionalmente, para atender as demandas das 19 cidades que ainda faltavam. Destas, se inscreveram somente oito e só apareceram profissionais interessados em trabalhar em cinco municípios. Com isso, o Mais Médicos chega ao final, totalizando 245 médicos em 169 municípios”, explicou a gerente operacional da Atenção Básica da Secretaria de Estado da Saúde (SES), Shênia Maria Felício.

Nos próximos dias 14, 15 e 16, a SES promoverá uma formação para 20 médicos cubanos, do 4º Ciclo do Mais Médicos. A capacitação ocorrerá no Hotel Caiçara, em João Pessoa, das 8h às 17 h.

De acordo com a programação, no primeiro dia serão abordados temas como Atenção Básica, Curso de Especialização em Saúde da Família e terá ainda uma conversa com um médico, professor da UFPB. No segundo dia, pela manhã, será apresentado o Telesaúde e à tarde o assunto será vigilância em saúde, quando serão apresentados os principais agravos e doenças mais comuns no Estado. No terceiro e último dia, os secretários de saúde municipais contemplados farão uma apresentação dos seus municípios e, em seguida, viajarão com os médicos que conhecerão os locais onde vão trabalhar.

Os municípios contemplados com os 20 médicos cubanos são: Santana dos Garrotes (1), São José de Princesa (1), Distrito Sanitário Especial Indígena – DSEI (7), Alagoinha (1), Cabedelo (1), Araruna (1), Caturité (2), Cajazeirinhas (1), Santa Cecília (1), Cubati (1), São Bentinho (1) e Triunfo (2).

Polícia incinera mais de 200 kg de maconha e crack; drogas são avaliadas em R$ 1 milhão

A Polícia Civil incinerou mais de 200 kg de maconha e crack em Campina Grande, nessa quinta-feira (10). O volume de drogas foi apreendido nos últimos dois anos e tem um valor de mais de R$ 1 milhão no mercado do tráfico.

O delegado Danilo Orengo, da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF), informou que a incineração foi comunicada ao Poder Judiciário, à Vigilância Sanitária e ao Ministério Público, seguindo as normas específicas da ação. A queima do material foi realizada numa empresa de Campina Grande, localizada no Distrito Industrial.

“Trata-se de um volume que estava armazenado na nossa delegacia e que, por determinação judicial, chega o tempo legal para ser incinerado. Essas drogas foram apreendidas em várias ações e operações da Polícia Civil, em sua maioria realizada pela DRF”, disse Orengo.

Manoel Junior assume liderança do PMDB nacional na Câmara

O deputado federal Manoel Junior assumiu, na última quinta-feira, 10, a liderança do Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB) na Câmara dos Deputados. O parlamentar estará no comando do centro das articulações até o dia 22 de abril, quando o líder peemedebista, deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) retorna de missão oficial e reassume.

“Estou pronto para liderar os trabalhos e, durante este período vou orientar a posição do partido e assumir as demais atividade destinadas aos líderes”, confirma Manoel Junior, que está em seu segundo mandato como deputado federal e já é considerado um dos 10 parlamentares mais influentes do país, em função da sua trajetória de atuação e articulação.

A atividade de um parlamentar na função de líder é parte essencial do processo legislativo. Os líderes de partidos, dentre as várias funções, têm como compromisso coordenar e representar os interesses da sigla em reuniões com o presidente da Câmara. Eles também apresentam a demanda de pautas no sentido de unificar o discurso partidário durante as votações das proposições na Casa.

Governo altera expediente por causa do feriado da Semana Santa

O expediente nas repartições públicas estaduais será facultativo na próxima quinta-feira (17), quando os cristãos comemoram o Tríduo Pascal, encerrado na véspera do Domingo de Páscoa – dia da celebração à memória da paixão, morte e ressurreição de Jesus. As atividades serão retomada na terça-feira (22), tendo em vista que a Sexta-Feira da Paixão (18), bem como a segunda-feira (21), Dia de Tiradentes, são feriados nacionais. Nesse período, os serviços essenciais deverão preservar seu funcionamento.

As alterações constam em portaria da Secretaria de Estado da Administração publicada no Diário Oficial do Estado de quinta-feira (10). A publicação determina ainda que os veículos oficiais, inclusive os de representação da administração direta e indireta do Poder Executivo, sejam recolhidos às suas repartições de origem ou ao Centro Administrativo, após o término do expediente do próximo dia 16 e liberados uma hora antes do início do expediente do dia 22 de abril.

A exceção são os veículos usados em serviços essenciais, como ambulâncias, fiscalização da Secretaria de Estado da Receita, Administração Penitenciária, Segurança e Defesa Social, além das viaturas das polícias Civil e Militar. Veículos encontrados transitando sem autorização serão apreendidos e recolhidos ao Gabinete Militar do Governador.

Couto questiona fuga de criminoso que matou estudante em Queimadas

O deputado Luiz Couto (PT-PB) manifestou preocupação, da tribuna da Câmara Federal, com a fuga de Leônio Barbosa de Arruda, que estava detido, na Penitenciária Regional de Campina Grande Raimundo Asfora (Presídio do Serrotão), por haver estuprado e matado a estudante Ana Alice de Macêdo Valentim, em Queimadas (PB).

"Ninguém viu! Como é que um preso pula o muro da frente de um presídio de segurança máxima e ninguém vê?", questionou e em seguida disparou: "aí só pode ter havido muita conivência, muito apoio e muito dinheiro para que ele pudesse fugir sem que ninguém visse".

Luiz Couto alertou os que administram os presídios de segurança máxima para que não permitam esse tipo de ação, e solicitou uma profunda investigação sobre essas falhas permanentes no sistema penitenciário paraibano e brasileiro.

Por fim, o parlamentar pediu urgência na captura de Leônio Barbosa e punição para os principais responsáveis pela vulnerabilidade da segurança no momento da escapatória.

Wilson Santiago foca conversas com o PSDB e condiciona apoio a vaga no Senado

O ex-senador Wilson Santiago afirmou, nesta sexta-feira (11), em entrevista ao programa Correio Debate, da Rádio Correio 98 FM, que não negocia o apoio do PTB com vários partidos conforme tem sido divulgado na imprensa. Segundo ele, o foco está em manter o diálogo frequente apenas com o PSDB, do senador Cássio Cunha Lima.

Santiago, que também é presidente da legenda no Estado, revelou que já conversou com vários outros partidos, mas que há mais de um mês que focou na possibilidade de compor com os tucanos. “Não podemos conversar com dois lados. A conversa hoje tem sido com o PSDB, até porque os demais partidos já firmaram as suas composições políticas. Então, significa dizer que o nosso projeto não cabe nestes partidos”, disse. 

Sem papas na língua, Wilson Santiago afirmou que o apoio do PTB está condicionado a possibilidade de garantir a vaga ao Senado Federal.

Executiva Estadual do PT na Paraíba resolve futuro político hoje

A cúpula do Partido dos Trabalhadores (PT) na Paraíba estará reunida hoje (12), para deliberar vários assuntos relativos às próximas eleições. Mas, o principal tema das discussões será certamente a composição da legenda com o PMDB, que tem o pré-candidato ao Governo do Estado, Veneziano Vital do Rego (PMDB). A reunião acontece no sindicato dos Bancários, em João Pessoa, a partir das 9h.

Segundo o presidente do Diretório Estadual do PT, Charliton Machado, o papel do partido na majoritária, caso a tese da aliança com o PMDB saia vitoriosa, será discutido em outro momento.

Um novo encontro para definição dos nomes das proporcionais e majoritária está marcado para o próximo dia 18 de maio. Já estão inscritos três nomes para deputado federal e 16 para estadual.

Maranhão descarta aliança com Ricardo Coutinho

Ao ser questionado sobre boatos de conversas para discutir possível aliança com o PSB do governador Ricardo Coutinho, o pré-candidato a deputado federal, José Maranhão (PT), afirmou que não há chance de aliança com o governo socialista.

Maranhão disse que mesmo mantendo uma relação saudável com o governador, não está interessado em discussões políticas com o mesmo. Também ressaltou que sua convicção é de existe 90% de chance de aliança entre o PT e PMDB, onde vai ser lançada a candidatura de Veneziano Vital do Rêgo (PMDB) para o Senado.

- Não tenho interesse pelo Senado, sou pré-candidato a deputado federal. Tenho conversado com Ricardo Coutinho apenas em reuniões sociais, afinal, não somos inimigos pessoais, mas não tenho interesse de aliança com ele. Já temos nosso pré-candidato - comentou.

Estado e aprovados no concurso para a Polícia Civil chegam a acordo

Uma audiência de conciliação realizada na tarde desta quinta-feira (10), no Fórum Cível da Capital, pôs fim a uma Ação Civil Pública movida pelos candidatos aprovados no concurso para a Polícia Civil (Edital nº 01/2008/ SEAD/SEDES) contra o Estado da Paraíba. No termo firmado, as partes acordaram que o Governo terá até o mês de junho para nomear 225 candidatos aprovados no último curso de formação (realizado entre outubro de 2010 e março de 2011) e convocar cerca de 600 para realizar o curso. O prazo do certame fica suspenso até a efetiva nomeação.

A audiência foi conduzida pelo juiz titular da 4ª Vara da Fazenda Pública do Fórum Cível da Capital, Antônio Carneiro de Paiva Júnior, e contou com a presença da secretária de Administração do Estado, Livânia Farias; procurador-geral do Estado, Gilberto Carneiro; secretário da Administração Penitenciária e da Defesa Social, Cláudio Lima, além de advogados e representantes dos aprovados.

De acordo com o termo, os candidatos aprovados no último curso de formação deverão ser nomeados em três etapas, sendo a primeira até o dia 21 de abril, a segunda em 21 de maio e, a terceira, até 21 de junho. Já os que foram aprovados, mas ainda não realizaram o curso pela Academia de Polícia Civil da Paraíba (Acadepol), deverão ser convocados no período entre 21 e 28 de junho, para participarem da formação, que deverá começar até o dia 1º de agosto.

O acordo prevê ainda que os candidatos que forem aprovados nesta capacitação deverão ser nomeados até 30 dias após o término do curso, desde que dentro do número de vagas previsto em edital.